Como não pegar o coronavírus

Japão ensina como não pegar o coronavírus com tradição milenar e respeito a vida alheia. País registra apenas 894 casos de mortes por coronavírus (30/05/2020) e ensina ocidente, como manter comércio aberto sem aumento em número de casos mesmo sem quarentena.

Famoso pela #tecnologia, #games e #animes, o #Japão continua influenciando o Mundo com sua tradição, respeito e ensina como devemos agir até em meio a #pandemia. Vamos citar algumas medidas que os japoneses nem precisaram adotar para se prevenirem do Covid-19.

Como já trabalhamos com Empregos no Japão e já moramos na terrinha, podemos dizer que tudo escrito aqui não é #Fakenews, e sim, que se trata de uma cultura milenar que dificilmente vai ser afetada por uma pandemia vinda de fora. Se eles se cuidassem como o Brasil e tivesse um governo parecido (impossível) eles também sofreriam com a crise.

O respeito dos japoneses

Os japoneses não costumam se aproximar uns dos outros, e isso é uma tradição milenar. Eles se curvam ao se cumprimentar, sem apertar as mãos.

Ao mínimo sinal de gripe, eles já saem de casa usando máscaras, e como estão acostumados com gripes fortes, suas máscaras são de ótima qualidade.

Quando usam transporte público, fazem uma fila impecável, digna de filme de televisão, onde qualquer estrangeiro se assustaria ao ver com os próprios olhos. Furar fila é um ato extremamente antiético e não faz parte da cultura deles. (nunca nem vi)

Costumam manter a distância, claro que as vezes impossível no cotidiano normal de transporte público, mas em épocas de pandemia, sempre ficam atentos a isso e esperam sua vez na hora de embarcar. Mudam seus hábitos rapidamente sem precisar serem alertados.

Medo do contágio e de contaminar o próximo

Os japoneses quando estão contaminados por alguma doença, e isso fica óbvio, eles cuidam de si mesmos e do próximo como se fossem da família. Não saindo de casa ao menos sinal de sintomas, e tomando todas as precauções possíveis.

Qualquer ato indigno traria a si mesmo uma vergonha impossível de ser perdoada. Agora imagine uma pessoa achar que ela contaminou um cidadão que poderia falecer com a doença. Isso causaria um trauma sem precedentes em um japonês.

Os casos de falta de respeito e crimes menores são quase que nunca vistos na TV, e não é por terem uma mídia fake, mas sim por terem um povo em um nível estratosférico de educação. A cultura extrapola realmente os níveis do certo e as vezes chega a ser enjoativo. Morei lá por 13 anos e só vi brasileiros cometerem crimes…

A imagem abaixo mostra o quanto os japoneses pensam em si, mas também no próximo.

Japão

Só encontrei um homem na foto sem o uso de máscara, o que podemos dizer ser um insulto aos demais.

A verdade é que só existe um meio de evitar e controlar pandemias como a do coronavírus, distanciamento e isolamento.

MAX BLANC

Ceo Super Agência

Criador de Conteúdo, Gestão de Google ADS e Otimização de Sites

Owner Marketing Para Médicos

O post Como não pegar o coronavírus apareceu primeiro em Empregos no Japão.

Empresas continuam falindo no Japão

Empresas continuam falindo no Japão e já é o maior número em 7 anos

Se empresas continuarem a falir no Japão, teremos uma crise que já seria pior do que a de 2008, quando a quebradeira e a demissão em massa rodou até o fim de 2009. Nós estávamos por lá, e fomos pegos por essa crise, fiquei 1 ano desempregado…

O que está acontecendo no #Japão hoje durante a #quarentena? Se o Japão não entrou em quarentena…

Mesmo sem isolamento social, e com as pessoas circulando normalmente, o resto do Mundo parou geral, e isso trouxe ao Japão, uma crise na exportação e turismo. Pessoas não entram, não saem, mercadorias saem, mas não entram, entre outros fatores.

Empresas que dependiam do comércio local, próximo a aeroportos, começaram a quebrar, pois seu abastecimento se foi, uma vez que eram abastecidas por pessoas que chegavam ao Japão, ou por empresas relacionadas ao turismo.

Por exemplo:

Fechando os aeroportos, empresas de aviação começam a sentir os efeitos em poucas semanas, assim como as lojas nos aeroportos, empresas de turismo, e em seus arredores. Sem contar o fato de que algumas empresas que fazem muita aglomeração, estas sim, fecharam durante a quarentena (parques temáticos, cinemas, salão de eventos).

Empresas menores que se movimentavam graças a empresa maiores em seu entorno, começaram a quebrar sem parar. É um efeito dominó que só vai cessar quando a quarenta do Mundo acabar.

Não tem como uma empresa que lucrava com o turismo de fora, continuar funcionando com os aeroportos fechados. É preciso ter muito caixa para se manter.

Como não se sabe ao certo até quando vai essa crise pandêmica, não compensa para o governo ajudar tais empresas com dinheiro público, restando a essas empresas fechar, e recorrer a auxílio financeiro para pessoas comuns apenas para se manter durante a #pandemia.

Já temos informações de que o Japão quer se fechar de novo, coisa que só aconteceu no pós guerra, mas claro, de maneira mais branda.

E o que isso quer dizer?

O Japão quer que as empresas da China voltem para casa (investindo bilhões nelas), e confiar em mão de obra interna. É uma ótima maneira de evitar novas crises, uma vez que suas exportações aumentam e o número de empregos também.

Veja o caso do Brasil, que hoje é o país mais produtivo do Mundo. Ao contrário do Japão, está sendo vendido para a China. Vemos até propagandas chinesas na televisão, mesmo eles tendo espalhado o coronavírus pelo Mundo. O Japão ao contrário de nós, levou pro lado pessoal.

Abs

Crise no Japão e Desemprego no Japão durante a quarentena.

Notícia do site: NOTÍCIAS ÚLTIMA HORA

MAX BLANC

Ceo Super Agência

Criador de Conteúdo, Gestão de Google ADS e Otimização de Sites

Owner Marketing Para Médicos

O post Empresas continuam falindo no Japão apareceu primeiro em Empregos no Japão.

Falência de Pachinko devido ao isolamento

Falência de Pachinko, casa de jogos, devido ao isolamento – 85 casas de Pachinko – famosos locais de entretenimento tio bingo ou caça niquel, abrem falência ou fecham devido a falta de caixa nesse período de isolamento.

Desde o mês passado, o governo pediu a suspensão de praticamente todas as casas de pachinko no Japão. Mesmo com a remoção do Estado de Emergência nesta segunda-feira (25), o governo continua o pedido principalmente nas províncias de Tóquio, Chiba e Hokkaido.

Há aproximadamente 10 mil casas de pachinko em todo o Japão. Segundo pesquisa realizada pela NHK, desde o mês passado, pelo menos 85 faliram ou já fecharam.

O maior número foi em Tóquio, com 11. Em seguida, vieram as províncias de Hokkaido e Aichi, com 9 e 6 respectivamente.

O governo de Tóquio disponibilizou uma verba de até 1 milhão de ienes para as casas que acatarem o pedido, mas em muitos casos o valor é insuficiente para pagar as despesas e, nesse período, a maioria teve um grande prejuízo.

Com a previsão do fluxo de caixa piorar ainda mais, os sindicatos estão preparando medidas para proteger o emprego dos funcionários.

Um gerente de uma das casas que abriu falência comenta: “Suspender os negócios nos deixou sem renda, e a casa não conseguia pagar os salários e o aluguel. Não havia um capital de giro e chegou nosso limite”.

Fonte da NHK

Empregos no Japão, Vagas no Japão, Trabalho no Japão, Passagens para o Japão, Visto para o Japão

MAX BLANC

Ceo Super Agência

Criador de Conteúdo, Gestão de Google ADS e Otimização de Sites

Owner Marketing Para Médicos

O post Falência de Pachinko devido ao isolamento apareceu primeiro em Empregos no Japão.

Vagas de Empregos no Japão Yonsei

Vagas de Empregos no Japão Yonsei – Empregos no Japão: aumento de vagas sem fim abre novas portas no Japão no final da quarentena.

Com inacreditáveis 100 para 60 vagas de empregos no Japão, e aumento de 1% ao ano nesta margem, o governo japonês enfim, abre as portas para descendentes da quarta geração e brasileiros sem descendência, porém qualificados.

O programa atual do governo japonês para descendentes da quarta geração, vai admitir até 4.000 yonsei por ano de qualquer nacionalidade.

Com o momento atual de falta de mão de obra no país, principalmente em setores como construção civil, e pressionado pelas obras da Olimpíada de Tóquio, em 2020, agricultura, indústria naval e cuidado de idosos, brasileiros sem descendência também serão selecionados.

As regras para os yonsei são bem mais restritas do que as das gerações anteriores. Além do certificado de japonês no nível 4, para o teste JLPT, ou E, no caso do J.TEST –Test of Practical Japanese, é preciso ter entre 18 e 30 anos e viajar sozinho, sem a família.

Para brasileiros puros, ainda não foram divulgadas as regras para se conseguir o visto de trabalho, porém a Agência de Empregos no Japão BR, acredita que sejam muitos os requisitos.

Como por exemplo:

Sem antecedentes criminais, emprego registrado por longa data no Brasil, comprovação de imóvel fixo, ter muita saúde, e idade entre 20 e 45 anos.

Empregos no Japão – Temos propostas para casais com ou sem filhos, descendentes ou casados com descendentes de japoneses, sanseis e nisseis. São dezenas de vagas de emprego no Japão para pessoas de até 65 anos. Estudamos as melhores opções de caso a caso. Entre em contato através do chat online ou ligue.

Empregos no Japão, Vistos, Passagens para o Japão. Embarque imediato. Vagas no Japão · Trabalhe no Japão

MAX BLANC

Ceo Super Agência

Criador de Conteúdo, Gestão de Google ADS e Otimização de Sites

Owner Marketing Para Médicos

O post Vagas de Empregos no Japão Yonsei apareceu primeiro em Empregos no Japão.

Empregos no Japão pós quarentena

Empregos no Japão pós quarentena | Melhores Profissionais de RH Recursos Humanos do Brasil e do Japão para vagas em 2020 e 2021.

Somos descendentes, e nossa equipe é formada por profissionais que um dia vivenciaram o Japão, ou seja, oferecem algo que um dia experimentaram.

Viajamos com frequência para o Japão para conhecer melhor as empresas para as quais enviamos nossos trabalhadores.

Com a BR Empregos no Japão a troca entre os nossos clientes deve ser mútua. Como já fomos dekasseguis entendemos que os trabalhadores devem ser leais, terem força de vontade, trabalhar com seriedade, e as empresas devem ter em mente nossa cultura e ideais, tratarem bem nossos profissionais e darem condições de moradia e salário adequados.

Ao todo são mais de 20 anos de experiência com o Japão, entre idas e vindas. Trabalho e dedicação.

Já vivemos no Japão, e somos descendentes. Falamos o idioma japonês, e conhecemos tudo por lá.

Hoje trabalhamos com colocação e RH de descendentes que querem viajar sem preocupação e juntar seu dinheirinho, e também curtir sua terra natal.

Só este ano foram mais de 10 famílias já empregadas e trabalhando no Nihon (Japão) com sucesso no dia a dia e em suas residências.
Empregos no Japão BR

Empregos no Japão BR, Visto para o Japão, Passagens para o Japão, Vagas no Japão, Trabalho no Japão

Empregos no Japão

Vagas de Empregos em BentoyaEmpregos em AutopeçasEmpregos em KumitateEmpregos em KensaEmpregos em Componentes EletrônicosEmpregos em Torno NC. Empregos no JapãoVagas no JapãoTrabalho no JapãoPassagens para o JapãoVisto para o JapãoVagas em Yokohama.

Você é descendente de japoneses e está desempregado no Brasil? Já ouvir falar em empregos no Japão? Empregos no Japão

Sabia que você poderia trabalhar no Japão e tirar até 3 mil dólares mensais mais bônus anuais em um emprego de componentes eletrônicos ou alimentos?

Faça como milhares de pessoas que já estão no Japão trabalhando, com nossa ajuda e consultoria.

Entre em contato conosco e não se preocupe com visto, documentação, aeroporto e local de trabalho no Japão.

São mais de 15 anos de experiência no Brasil, e uma equipe que já trabalhou 13 anos no Japão com tradução e recursos humanos.

Fale com a Michelle, nossa gerente de HR. Ligue 11 99548-3878 Nossa Agência também vende passagens aéreas para o Japão e tira visto de turismo para o Japão.
Empregos no Japão, Vagas no Japão, Trabalho no Japão, Passagens para o Japão, Visto para o Japão.

MAX BLANC

Ceo Super Agência

Criador de Conteúdo, Gestão de Google ADS e Otimização de Sites

Owner Marketing Para Médicos

O post Empregos no Japão pós quarentena apareceu primeiro em Empregos no Japão.

Visto de Trabalho para o Japão

Dia 1 de julho Japão passa a permitir visto para yonsei – para empregos – O Ministério da Justiça solidificou a política de introdução de um novo sistema de visto para que os descendentes de quarta geração (yonsei) que cumpram os requisitos, tais como certo nível de compreensão do idioma possam trabalhar no Japão e tenham entre 18 e 30 anos.

Segundo o jornal Yomiuri, desta manhã de segunda-feira (31), nessa fase introdutória a intenção é permitir a entrada de cerca de mil pessoas por ano. Antes do início da implementação pretende fazer um comentário público.

No novo sistema, a intenção é fazer com que o yonsei tenha interesse pelo Japão e se aprofunde na cultura. O objetivo é a formação de recursos humanos que possam servir de ponte entre a comunidade nikkei onde vive e a sociedade japonesa, no futuro.

Visto para yonsei

O sistema proposto é o working holiday, como há em outros países, onde se obtém a permanência enquanto trabalha. A faixa etária alvo e limitada é entre 18 a 30 anos. Para sua estadia será concedido um status de residência chamado tokutei katsudo (特定活動) ou traduzido livremente para o português como atividade específica.

Para a implementação, o candidato será submetido a um teste de conhecimento do cotidiano do idioma, equivalente ao teste de proficiência nível 4.

Para a renovação do status de residência, a condição é ter conhecimento do idioma japonês, equivalente ao teste de proficiência nível 3. Provavelmente serão apresentadas frases mais complexas para avaliação. Nessa ocasião, será proibido levar alguém da família.

MAX BLANC

Ceo Super Agência

Criador de Conteúdo, Gestão de Google ADS e Otimização de Sites

Owner Marketing Para Médicos

O post Visto de Trabalho para o Japão apareceu primeiro em Empregos no Japão.

Montagem de Patch Panel.

Um patch panel separa o cabeamento da sua rede do seu equipamento de rede.

Cada série de cabo que vai ao longo da casa, escritório ou edifício da sua rede é crimpado na parte de trás do painel de ligações.

Esta é a função da área de crimpagem do patch panel.


Ao invés de portas RJ45, este lado é equipado com os terminações para crimpagem dos cabos UTP e codificação de cores para T568A e T568B.

Há também símbolos de verificação independente de testes para UL e 3P. Para fazer esta crimpagem é utilizada a Ferramenta de Impacto, ou a Alicate de Inserção IDC .

Cada terminação da parte traseira do patch panel corresponde a uma porta na parte da frente do painel.

São utilizados Patch Cords para conectar as portas na frente do patch panel (ou painéis) no seu equipamento de rede (como switches, hubs e roteadores).

Algumas pessoas não utilizam um patch panel em sua rede, colocando conectores RJ 45 nas extremidades de seus cabos e colocando-os diretamente em seus equipamentos de rede.

Isto pode ser feito quando um orçamento é especialmente apertado, mas é algo a evitar, se possível, uma vez que pode resultar em uma grande confusão e bagunça.

Quando você tenta mudar alguma coisa no futuro, uma vez que resulta em cabos soltos pendurado para fora da parede ou teto.

Além de seus equipamentos ficarem mais sujeitos as constantes mudanças, tendo a grande probabilidade de serem danificados com mais facilidade que em uma rede corretamente estruturada.

Reflexo da transformação digital que vive o mundo, cada vez mais as empresas estão se apoiando em soluções tecnológicas para desempenhar e otimizar as suas atividades.

Independentemente do porte do negócio, a TI está presente, promovendo a modernização de processos, automatizando sistemas e tornando as atividades das empresas mais estratégicas.

Nesse contexto, a necessidade de infraestruturas de rede, comunicação e sistemas próprios da Tecnologia da Informação é uma realidade dentro da maior parte dos negócios, demandando um aparato tecnológico.

Cabeamentos, hardwares e sistemas, além de um local adequado e uma metodologia de montagem que garanta a disponibilidade contínua e eficiência da rede.

Por isso, montar um rack de infraestrutura dentro da empresa é uma alternativa ideal, sobretudo para locais em que o espaço é mais limitado e não se abre mão da boa organização do ambiente de TI.

Então, quer conhecer mais sobre o rack de infraestrutura?

Preparamos um post completo para mostrar a você o que é essa ferramenta e como montá-la. Continue com a leitura e confira!

O que é um rack de infraestrutura?

De maneira simples e direta, o rack nada mais é do que uma estrutura metálica especialmente desenvolvida para acomodar componentes de rede e informática, como cabos UTPs, patch panel, fibras, D.I.O. (Distribuidor Interno Óptico), entre outros equipamentos indispensáveis ao funcionamento da infraestrutura de rede de uma empresa.

Em geral, os racks possuem tamanhos que variam de 4“us” até 44“us” — a altura de cada “u” tem aproximadamente 4,5cm, podendo ser fixados em paredes ou colocados no piso.

Existem dois tipos de racks de infraestrutura mais usuais, são eles:

Racks abertos.

Consiste de uma estrutura retangular fixada no piso do ambiente. Esse modelo, por sua facilidade de acesso aos componentes, é mais indicado para locais fechados, nos quais há um maior controle no acesso de pessoas e funcionários, já que os dispositivos nele instalados ficam a mostra, podendo ser alterados.

Além disso, por ser aberto, também se recomenda a instalação em um local livre de resíduos, como poeira, pois podem danificar os equipamentos.

Racks fechados.

Esse é um modelo mais robusto, já que é todo fechado, dificultando o acesso irrestrito e a deterioração por ação de agentes externos, como umidade, poeira etc.

Além disso, o rack fechado tem a vantagem de se poder realizar o controle de circulação de ar interna, melhorando a dinâmica da temperatura dos equipamentos nele instalados — fator de extrema relevância para a operação da infraestrutura.

Sobre o Switch.

O switch funciona como um elemento que controla a comunicação entre os dispositivos conectados a rede.

Os switch segmentam a rede, possibilitando que o fluxo de informações entre os dispositivos seja mais eficiente.

Um switch é basicamente um equipamento para extender os pontos de rede, conectando todos os aparelhos em uma só rede, conseguindo também, transmitir vários pacotes de dados ao mesmo tempo (o que aumenta a velocidade da rede se comparado com outros equipamentos).

Além disso, tem a capacidade de aumentar o desempenho da rede Wi-Fi e manter a comunicação sempre disponível. Isto é possível, pois o switch evita a colisão de dados da rede.

O switch também permite a comunicação em redes que tenham máquinas com placas com velocidades diferentes, sem que a velocidade seja prejudicada.

Atualmente, a grande maioria das empresas utilizam switches para conectar seus computadores, impressoras, servidores e alguns outros equipamentos dentro de um prédio empresarial.

Lavagem de Sofá – Seu Sofá Sujou?

LAVAGEM DE SOFÁ

Lavagem de Sofá utiliza métodos modernos, produtos apropriados em conjunto com a experiência do técnico e maquina extratora de sujidades.

Lavagem de Sofá não é especificamente utilizada apenas em sofás novos, até mesmos os antigos podemos lavar.

Limpeza de Sofá SP que irá ao mesmo tempo extrair toda a sujeira e limpar profundamente toda a sujeira.

Assim a sujeira apresentada no sofá sem danificar o tecido e eliminando todos os ácaros, fungos e bactérias existem.

Tem uma rápida secagem, matam e mantêm uma proteção duradoura contra ácaros, micro-organismos e bactérias.

E até manchas antigas q estejam impregnadas no tecido podem sair com a Lavagem de sofá.

Lavando seu sofá SP ficarão com aspecto de novos, com muito menos esforço e com um valor muito mais acessível que um novo sofá.

Ou simplesmente reformar o mesmo se for de seu agrado e for mais em conta.

O que fazer na Lavagem de Sofá SP?

Com um valor muito baixo perto de um novo estofado, você revitaliza aquele que você adora e ainda, deixando-o como novo.

Lavagem de Sofá utiliza técnicas modernas que limpam profundamente seu sofá, usando um mínimo de água.

Em pouco tempo ele estará seco novamente, e deixando-o livre das pragas.

Aqui no nosso Brasil os brasileiros tem mania de tudo q fica mais velhinho se joga fora, mais nem tudo precisa.

O sofá por exemplo por ser um produto geralmente caro, compensa lavar sempre pra mante-lo sempre limpo.

Esse serviço não é caro não, não se preocupe, ele é bem acessível aqui em são paulo onde fica nossa sede.

Serviço feito por profissionais qualificados em treinados na lavagem sem danificar o tecido ou cor.